BelaVistaMS
Geral

16/01/2018 - 09h24

Geral

Rebanho bovino de MS cresce, superando 21,8 milhões de cabeças

Kelly Ventorim

Para o secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) Jaime Verruck, num ano em que o setor produtivo passou por diversos problemas

Campo Grande (MS) – Segundo levantamento da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) o rebanho bovino de Mato Grosso do Sul que em 2016 era de 21.226.885 de cabeças e aumentou para 21.824.147 de cabeças em 2017.

Apesar do aumento significativo de mais de meio milhão de cabeças no período de um ano, o rebanho sul-mato-grossense ainda está distante dos mais de 24 milhões de reses registrados em 2013, sua melhor performance. Desde então, houve uma redução paulatina até 2014, quando o viés voltou a ser de alta.

Mato Grosso continua com o maior rebanho bovino do País, contando com mais de 30 milhões de cabeças, e o Centro-Oeste detém 34,4% do total nacional, que atinge 218,2 milhões de cabeças, segundo o IBGE. É o segundo maior efetivo de bovinos do mundo (só perde para a Índia) e o segundo maior produtor de carne bovina (atrás apenas dos Estados Unidos). Em percentual, Mato Grosso do Sul detém 10% do rebanho nacional, enquanto Mato Grosso responde por 13,9%.

Segundo dados da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul, a Famasul, o Estado produziu no ano passado 791 toneladas de carne bovina, registrando aumento de 0,82% em relação ao ano anterior, 2016, quando produziu 784 mil toneladas.

No ranking nacional de exportações, Mato Grosso do Sul, no acumulado de cinco bimestres de 2017, figura, com a carne bovina, em sexto lugar.

Para o secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) Jaime Verruck, num ano em que o setor produtivo passou por diversos problemas, ações como a reformulação do programa estadual de incentivo à produção de bovinos de alta qualidade, o ‘Precoce MS’, ajudaram a alavancar esse crescimento.

“Passamos a premiar também a propriedade dentro do programa Precoce MS, incentivando as boas práticas e o melhoramento das estruturas. Isso influenciou positivamente o pecuarista”, completou.

O programa, que desde a reformulação no inicio de 2017 incluiu atributos da propriedade na elaboração da premiação oferecida ao produtor, tem hoje mais de 800 participantes e já abateu nos últimos oito meses mais de 336 mil animais, superando a modesta meta de oitenta mil animais a serem abatidos no primeiro ano pós reformulação, que havia sido estipulada em 80 mil animais.





Comentários Comente a notícia


Leia maisMais notícias

IFMS irá ofertar 120 vagas em cursos superiores no segundo semestre pelo Sisu

Cursos serão oferecidos em Campo Grande, Corumbá e Ponta Porã. Calendário da seleção será divulgado pelo Ministério da Educação (MEC).

IFMS abre 195 vagas em cursos técnicos de nível médio

Vagas são para Aquidauana, Coxim, Dourados, Jardim e Três Lagoas. Inscrições são gratuitas e começam no próximo dia 30.

Nova peça da Cia Aplausos vai ao passado e futuro para falar de igualdade de gênero

Em "Mulheres Sapiens Erectus" duas cientistas constroem uma máquina do tempo para descobrir quando a mulher foi respeitada na sociedade

Batista Com Vida acontece no próximo sábado

Evento beneficente oferece atividades culturais para a comunidade local

Costa Rica será sede da Seletiva para Mundial de Jiu-Jitsu em junho

Oito equipes participaram do Campeonato Estadual de Jiu-Jitsu Esportivo realizado em Costa Rica

12 equipes já garantiram vagas na 3ª fase da Copa Assomasul

Carimbaram seus passaportes para a fase seguintes as equipes representantes de Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul e Itaquiraí

Após seis mostras projeto "Campo Grande na Tela" já levou filmes locais a mais de 3 mil alunos

Grande parte dos estudantes da rede municipal de ensino nunca haviam tido contato com o cinema campo-grandense

IFMS promove Semana do Meio Ambiente em junho

Evento será promovido pelos dez campi do IFMS entre os dias 4 e 9 de junho. Fomento institucional é de R$ 15 mil.

TVE Digital é o "melhor presente" destaca diretor presidente na homenagem da FERTEL

Emocionado, ao lado de sua esposa a bióloga e também Marcia Brambilla, o jornalista Bosco Martins destacou a atuação dos servidores no processo de digitalização





contato@belavistams.com.br
© 2011 - João Carlos Velasquez - Todos os direitos reservados

Webmail | Desenvolvido por JPWeb