BelaVistaMS
Política

10/08/2017 - 10h40

Política

Preocupado, grupo reúne-se em Brasília para discutir estoque e venda de milho em MS

Assessoria de Imprensa

Segundo o senador Waldemir Moka (PMDB), que abriu seu gabinete em Brasília para discutir a questão

Mato Grosso do Sul enfrenta problema para armazenar a segunda safra de milho. De acordo com Companhia Nacional de Abastecimento no Estado (Conab), Mato Grosso do Sul colheu 9,8 milhões de toneladas do produto, o que preocupa o Governo federal por causa da capacidade armazenamento, de apenas 8,5 milhões de toneladas de grãos.

Para reduzir o volume do milho armazenado, a Conab tem realizado, semanalmente, leilões para venda e escoamento do produto para fora do Estado. “No leilão, oferecemos prêmio para que o produto seja vendido para outros Estados, abrindo espaço para armazenar outros grãos”, afirma Nilson Azevedo, superintendente da Conab em Mato Grosso do Sul.

Segundo o senador Waldemir Moka (PMDB), que abriu seu gabinete em Brasília para discutir a questão, a reunião teve o objetivo de levar ao Ministério da Agricultura a necessidade de aumentar a oferta de milho nos leilões. “Além do milho, há quase 3 milhões de toneladas de soja da safra passada para armazenar. A situação preocupa”, disse.

O secretário nacional de Política Agrícola, Neri Geller, garantiu que, com base na procura pelo milho safrinha nos leilões desta quinta-feira em Mato Grosso do Sul, o Ministério da Agricultura vai aumentar a oferta do produto nas próximas semanas. “A ordem do ministro Blairo Maggi (Agricultura) é para que apresentamos soluções para Mato Grosso do Sul”, afirmou.

O diretor da Federação da Agricultura em Mato Grosso do Sul (Famasul), Luís Alberto Moraes, também presente à reunião, diz que a supersafra do milho safrinha tem gerado problemas aos produtores, como a queda no preço, além de encher os armazéns. “A oferta está grande e com isso surgem dois problemas: o preço cai e os armazéns seguem lotados”, explica.

O superintendente da Conab afirma que havia essa expectativa de supersafra em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e outros Estados produtores de milho. “Essa era a preocupação, de a superprodução gerar alguns problemas, como a falta de espaço para armazenar e sobretudo pela queda nos preços”, reforçou.

Crédito fotos: Luís Carlos Campos Sales/ACS senador Moka

Galeria Galeria de Imagens






Comentários Comente a notícia


Leia maisMais notícias

TCE abre inscrições para curso direcionado aos profissionais do SUS

Direcionado aos profissionais atuantes da rede do Sistema Único de Saúde, prioritariamente aos vinculados ao Conselho Estadual e Municipal de Saúde, o objetivo do curso é capacitar conselheiros da saúde

Projeto E-EXTRATOR do TCE-MS é destaque em Congresso Nacional de Tribunais de Contas

Para o presidente do TCE-MS, conselheiro Waldir Neves, a participação nesse Congresso é muito importante para a troca de informações e conhecimento.

Governo cede a pressão, mas reduz pela metade socorro financeiro aos municípios

O montante de R$ 2 bi, no entanto, é inferior ao calculado pela CNM, que previa, por exemplo, repasse de R$ 58,720 milhões para MS.

Prefeitos definem estratégia de atuação durante mobilização em Brasília

A ideia é pressionar o governo central a liberar verbas adicionais às prefeituras brasileiras

Assomasul pode apoio à bancada federal para aprovação da pauta municipalista

Incluindo a fraca distribuição das transferências constitucionais, como o FPM, os prefeitos se queixam que a União não está honrando seus compromissos com os programas sociais

Paulo Corrêa entrega relatório da CPI da JBS ao presidente Junior Mochi

A suspensão também foi um pedido da CPI após a conclusão dos trabalhos e ficará mantida até que a Sefaz conclua a auditoria interna

Executivo e Legislativo discutem processos de melhoria

E para concretizar esse estreitamento de relação entre a Procuradoria Geral do Estado (PGE), Consultoria Legislativa (Conleg/Segov) e Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final (CCJR)

Solidariedade Mulher reúne militantes em Campo Grande

Martins disse esperar que o SD seja realmente um partido diferente também em relação a luta feminina

Por verbas adicionais, prefeitos vão a Brasília em nova mobilização nacional

Pelos cálculos da CNM, as 79 prefeituras de Mato Grosso do Sul terão direito a R$ 58,720 milhões





contato@belavistams.com.br
© 2011 - João Carlos Velasquez - Todos os direitos reservados

Webmail | Desenvolvido por JPWeb